top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Happiness vols. 3 e 4" de Shuzo Oshimi

Makoto percebe finalmente que sua vida está para sempre mudada. Ele vai precisar refletir se ainda existe lugar para ele no mundo normal. E Yuuki? O que terá acontecido com ele? Dois volumes bastante importantes da série e que vão definir uma mudança de caminhos na trama.

ATENÇÃO: Tem spoilers dos volumes anteriores!


Sinopse:


Com uma mistura de gore e terror, Happiness é um shounen diferente que trabalha as várias facetas humanas. Na história, Makoto Okazaki é um garoto que está sempre evitando confrontos e escondendo seus verdadeiros interesses, sem saber como se expressar. Num dia fatídico, porém, Makoto é atacado e forçado a fazer uma escolha: morrer como um humano ou viver como um vampiro. Desesperado e com medo da morte, o rapaz escolhe viver, mas sua nova "vida" não é algo que ele possa fingir que não existe e o rapaz se vê forçado a encarar quem é e seus desejos.







ATENÇÃO: Tem spoilers dos volumes anteriores!



Se podemos definir uma temática para essa parte da história é a palavra laços. Os laços que nos ligam às pessoas: seja os laços de família, de amizade, de companheirismo, de amor. Oshimi leva essa conta a outro nível ao nos colocar diante dos laços de sangue, os sobrenaturais que ligam as criaturas da noite. Será que existe uma forma de conciliar esses laços ou chega um momento em que essa matemática se torna impossível? Esse questionamento vai tomar conta da realidade de Makoto e por mais que ele queira negar e fingir que está tudo normal, o seu encontro com Nora mudou toda a sua vida. Cortar laços e reduzi-los a alguma possibilidade racional e saudável é o que será exigido dele, mas ao fazer isso, alguma parte de sua vida terá que ceder. E não sabemos ainda o quanto Makoto está maduro o suficiente para aceitar isso.


Na edição passada, vimos que Makoto se tornou o alvo da gangue que assediava moralmente Yuuki. Ao salvá-lo, ele atraiu a atenção para si. E durante um acerto de contas com a gangue, Makoto estava sendo espancado quando foi "salvo" por Saku, outro ser semelhante a Nora. Ele rapidamente destrói os adversários e faz isso com um sorriso macabro no rosto. No momento em que o último era derrotado, Yuuki aparece no local e se torna o alvo também de Saku, que deseja que Makoto aprenda os prazeres de se alimentar de sangue. Sua força sobre-humana assusta o nosso protagonista que percebe também ter poderes. A confusão está traçada e após todos os problemas com Saku e o ressurgimento de Nora, Makoto se vê arrastado para um mundo estranho e desconhecido. Durante a sua interação com Saku, ele e Makoto acabam bebendo o sangue de Yuuki e este também é transformado em uma criatura da noite. Agora, Makoto e Yuuki se encontram em uma encruzilhada e precisam se decidir o que fazer de suas vidas.

A arte de Oshimi sempre varia um pouco de acordo com as suas necessidades para um determinado momento do mangá. No volume 3, vemos uma prevalência do uso da hachura, dos rabiscados que tentam criar uma estética mórbida e estranha às cenas. Várias delas onde acontecem situações fora do natural tem esse hachurado e criam uma tensão palpável no que está sendo mostrado pelo autor. Outro ponto incrível é o quanto Oshimi é econômico com os diálogos, deixando que a cena fale por si mesma. Tem um momento em que Nora e Makoto estão interagindo em que os diálogos são mínimos, quase monossilábicos. O foco fica inteiramente no rosto e no posicionamento do personagem no quadro. E as cenas são arrepiantes. Não costumo me assustar muito com mangás de terror (no máximo enojado), mas Oshimi faz de um jeito que nos deixa apreensivos. Aliás, por falar em mangás de terror, tem uns momentos quando os personagens estão olhando para o céu que me fizeram lembrar de Uzumaki, de Junji Ito. Não sei se foi uma coincidência ou algo intencional.


Neste volume conhecemos mais sobre a vida do Yuuki e os motivos que o levaram a se tornar um valentão e até a namorar a Nao. No fundo, Yuuki é um solitário com uma mãe que não dá muita atenção a ele. Algo que ficou marcado no volume anterior quando Makoto vai visitar a casa do Yuuki junto com a Nao. Uma das razões que levam uma criança ou adolescente a se tornar rebelde pode ser o abandono familiar. E um abandono que não precisa ser necessariamente total com a morte dos pais ou sair de casa. Um abandono pode ser configurado com os pais simplesmente ausentes da vida de seus filhos. Não se interessando por sua vida, não interagindo. A consequência disso é que atos violentos ou de revolta se tornam uma maneira dos filhos chamarem a atenção. Quase um grito de socorro. Como professor, conheço inúmeros casos assim. É triste dizer isso, mas o que o Yuuki passa no mangá e ao que ele acaba recorrendo é algo comum em nossa sociedade contemporânea.


Quanto ao Makoto, os acontecimentos das últimas edições fizeram com que caísse a ficha e ele percebesse o quanto sua vida pode ter mudado subitamente. Ele se equilibra em uma balança que pode ser definida muito bem pelas personagens Nora e Yukiko. Com quem ele deseja realmente ficar perto? Nora é a sua "progenitora", aquela que o arrastou a esse mundo estranho, não tendo matado o personagem por uma fraqueza ou um instinto momentâneo de carinho por ele. Ela oferece a Makoto a possibilidade de permanecer longe de confusões e de ter uma existência pacífica, porém longe dos humanos. Já Yukiko é carinhosa e afetuosa, ao lembrar de uma situação que aconteceu a ela no passado, já que Makoto a faz lembrar dessa pessoa. Apesar de Yukiko negar, fica claro que ela o ama. Yukiko representa uma existência turbulenta, entre os humanos, e precisando superar obstáculos e desafios que podem colocar sua existência em risco e a de todos ao seu redor. Não é uma escolha simples de ser feita e Makoto vai precisar encontrar dentro de si o que ele realmente deseja.


O volume 4 é ainda mais um ponto de mudança do que o anterior. Isso porque os personagens estão tentando descobrir seu lugar no mundo. A construção de mundo toma um momento mais explicativo com o autor tentando posicionar suas criaturas da noite como algo diferente de simples vampiros. Sem dar spoilers a mais e partindo só de algumas poucas explicações o que podemos constatar é que Nora e os demais são criaturas (sobrenaturais?) com muita sede de sangue. Parecem ter algum tipo de aversão à luz do sol, mas não fica claro até aqui até onde vai essa aversão. Isso porque tem algumas cenas em que não conseguimos saber exatamente se está claro ou escuro. Me parece que Makoto desenvolveu algum nível de fotossensibilidade. Quanto à Nora, só a vimos se movendo realmente à noite, mas pode ser uma preferência dela como predadora ou como alguém que pretende ficar longe de olhares curiosos.


Quero tentar entender até onde Oshimi pretende levar a condição de segredo por trás das criaturas da noite. Isso porque Yuuki é um desastre como alguém furtivo e ele faz uma série de coisas que com certeza colocam eles no radar. Não é possível ver alguém matando várias pessoas com mordidas no pescoço e ninguém ir atrás. Seja uma agência governamental ou investigadores mais específicos, até porque já vimos que tem um outro grupo atrás deles. A questão é saber se Oshimi pretende revelar a existência deles para o mundo ou se pretende manter a história mais fechada. Acho que esse é o tipo de história que combina mais no segundo caso.


Outro ponto que preciso comentar sobre a arte é como o autor consegue fazer a gente se importar com os personagens. Alguns momentos chegam a arrepiar na forma como ele faz os personagens serem tão verossímeis que parecem que estão quebrando a quarta parede. Os diálogos significam mais do que parecem porque existe uma ênfase não apenas naquilo que é dito, mas pelo que não é dito também. Um bom exemplo disso é o momento de diálogo entre Makoto e Nora em que os dois trocam olhares e conseguem se entender simplesmente dessa forma. Tem um momento em especial em que parece que nós estamos conversando com Nora, porque o autor a posiciona de frente para nós, e ela olha diretamente para fora do quadro. Os desenhos de rosto também são muito finos como disse na resenha anterior e isso faz com que eles ganhem maior expressividade. Um efeito de arte legal usado é o de distorção quando os personagens tem seus sentidos turvos seja devido à fome ou a uma perda da capacidade cognitiva de forma momentânea. No primeiro caso chega a beirar ao delírio.


Recomendo que os leitores ajam com cautela a partir deste quarto volume porque Oshimi começou a pesar mais a mão. O mangá ficou bem mais dramático com algumas cenas bem fortes como as protagonizadas por Yuuki. Não chegam a ser gore, mas o autor faz toda uma construção emocional que faz com que elas ganhem mais potência do que antes. Algumas coisas me deixaram curioso para futuras edições como a função da Nora, o papel de Yukiko na vida do Makoto e em como este vai escolher entre sua humanidade ou uma vida mais isolada abraçando o seu lado sobrenatural. A história fica mais pesada, mas ganha em complexidade.












Ficha Técnica:


Nome: Happiness vols. 3 e 4

Autor: Shuzo Oshimi

Editora: Newpop

Tradutor: Denis Kei Kimura

Número de Páginas: 192 cada volume

Ano de Publicação: 2018


Outros Volumes:

Vols. 1 e 2


Link de compra:




Commenti


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.