• Paulo Vinicius

Resenha: "Fool Moon" (The Dresden Files vol. 2) de Jim Butcher

Atualizado: 6 de Mai de 2019

Neste segundo volume, Dresden se vê as voltas com um caso de assassinatos misteriosos causados por feras lupinas. Ao mesmo tempo, ele precisa lidar com as consequências de suas ações no primeiro volume.

Sinopse:


Você imaginaria que haveria um pouco mais de ação para o único mago profissional presenta na lista telefônica de Chicago. Mas ultimamente, Harry Dresden não tem sido capaz de conseguir qualquer tipo de trabalho: mágico, mundano ou cotidiano.

Apenas quando parece que ele não pode mais pagar a sua próxima refeição, acontece um assassinato que necessita dos seus conhecimentos especializados do sobrenatural. Existe um corpo brutalmente mutilado e marcas de animal monstruosas na cena do crime. Sem mencionar que o assassinato aconteceu em uma noite de lua cheia. Harru sabe exatamente onde este caso vai levar.




Há mais de um ano atrás eu fui apresentado ao mundo de Harry Dresden depois de ler muitos comentários positivos a respeito da escrita do autor. E fui surpreendido com uma leitura deliciosa, escrita de maneira simples e direta e com um mundo no qual o leitor conseguia se acostumar rapidamente. Este segundo volume consegue ser ainda melhor do que o primeiro simplesmente porque o autor consegue tornar a leitura muito prazerosa.

Quem acompanha o nosso trabalho sabe o quanto eu não aprecio muito a narrativa em primeira pessoa. Porém, é preciso ressaltar a qualidade da escrita de Butcher. O protagonista tem muita personalidade e isso fica impresso nas linhas do livro. Sarcástico, corajoso e mulherengo, nosso personagem vai nos mostrando a sua vida como mago em uma grande cidade como Chicago. A voz do personagem é nítida para os leitores. Aqui temos uma clara demonstração de como uma narrativa em primeira pessoa com um personagem heroico pode ser interessante. Tudo o que o personagem precisa é uma personalidade que deixe o leitor curioso. A leitura é muito veloz e o autor consegue deixar excelentes ganchos narrativos. Estamos falando de um livro de mais de trezentas páginas que parece ter menos da metade disso. Em determinados momentos nos vemos lendo furiosamente os capítulos tamanha a forma como eles são interligados.

O primeiro volume serviu para nos apresentar o mundo e os personagens. Ou seja, esse peso o autor já deixou para trás. Agora, ele consegue trabalhar mais as características psicológicas que os movem e os motivam. No caso de Fool Moon em particular, o autor se debruça na relação de confiança entre Dresden e a detetive Murphy. Dresden é um personagem que apesar de se achar solitário ele precisa de pessoas que façam a sua existência ser importante. Talvez este seja o grande tema da história: confiança e solidão. Como a história vai ser um estudo da personalidade de Dresden e como Murphy é importante para o seu mundo, a narrativa se interliga claramente com os personagens.

Mesmo os personagens secundários são importantes para a narrativa. Isso faz da escrita do Butcher tão boa porque nos importamos com o que acontece com todos. Se um personagem se machuca ou morre, tem um impacto emocional para o leitor. Nada é jogado. Todos os personagens possuem algum papel por menor que ele seja. E aos poucos o autor vai construindo o elenco de personagens da série. Não sei de que maneira estes personagens serão aproveitados mais à frente, mas todas as criações de Butcher podem gerar outras boas histórias. Se tem uma personagem que eu achei meio negligenciada é a Susan. O autor tenta nos demonstrar a importância dela como namorada do herói, mas ela acaba tendo menos importância do que Murphy, por exemplo. Não sei se isso é um plot a ser explorado futuramente, mas a personagem aparece até bem pouco na história (mais para o final).

Outra qualidade da narrativa de Butcher é a possibilidade de leitura-solo. Pelo que eu pude ver em Fool Moon, o leitor pode nunca ter lido Storm Front que vai entender bem a narrativa. Aliás, nas trinta ou quarenta primeiras páginas do livro, o autor faz um resumo completo do que aconteceu de importante no primeiro livro, apresenta o personagem e o que ele faz e introduz a delegacia de polícia e como Murphy se relaciona com Dresden.

Já falei do tema da confiança entre Dresden e Murphy, mas Fool Moon também questiona as motivações do protagonista: por que ele faz o que faz? Qual é a medida do herói? Um dos elementos engraçados no personagem é o seu senso de cavalheirismo que chega a ser meio quixotesco. Ele sabe que as mulheres de seu convívio são fortes e independentes, mas sempre deseja protegê-las. E sempre leva um coice delas por causa disso. Mas, é necessário apontar que mesmo nessas nuances, Dresden é um personagem trágico. E o autor vai explorar muito esse lado nessa história principalmente em situações de risco. Além disso, vemos que o autor começa a inserir alguns pequenos elementos narrativos a serem explorados posteriormente. Não vou comentar deles, mas já me deixou curioso pelo que pode vir a seguir.

Fool Moon é um livro rápido porque ele é uma grande história de ação. As cenas são muito rápidas e temos um grande número de coisas acontecendo simultaneamente. A todo momento somos colocados em um turbilhão e temos que tentar tornar tudo compreensível da maneira como Dresden procura fazer. Esta é outra qualidade da história e o que a torna memorável. A série só melhorou e eu já quero pegar o volume 3 para ler. Que história!! Recomendo demais a todos. Boa narrativa, personagens incríveis e uma escrita direta. Uma receita para o sucesso!


Ficha Técnica:


Nome: Fool Moon

Autor: Jim Butcher

Série: The Dresden Files vol. 2

Editora: New American Library

Gênero: Fantasia

Número de Páginas: 342

Ano de Publicação: 2001


Outros Volumes:

Storm Front (vol. 1)


Link de compra:

https://amzn.to/2DRWIK2


Tags: #foolmoon #jimbutcher #dresdenfiles #newamericanlibrary #harrydresden #mago #lobisomem #sobrenatural #magia #fantasiaurbana #violencia #confianca #fantasia #leiafantasia #amofantasia #igfantasia #ficcoeshumanas

ficções humanas rodapé.gif

Todos os direitos reservados.

Todo conteúdo de não autoria será

devidamente creditado.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

O Ficções Humanas é um blog literário sobre fantasia e ficção científica.