top of page
  • Foto do escritorAmanda Barreiro

Setembro King: Revival, de Stephen King

Vícios, visões horripilantes e uma estranha forma de fenômeno físico galvânico moldam a vida de Jamie Morton desde sua infância até a decadência na vida adulta. Quem sabe ele descobrirá alguns segredos no processo.



Sinopse:


Em uma cidadezinha na Nova Inglaterra, mais de meio século atrás, uma sombra recai sobre um menino que brinca com seus soldadinhos de plástico no quintal. Jamie Morton olha para o alto e vê a figura impressionante do novo pastor. O reverendo Charles Jacobs, junto com a bela esposa e o filho, chegam para reacender a fé local. Homens e meninos, mulheres e garotas, todos ficam encantados pela família perfeita e os sermões contagiantes.


Jamie e o reverendo passam a compartilhar um elo ainda mais forte, baseado em uma obsessão secreta. Até que uma desgraça atinge Jacobs e o faz ser banido da cidade.


Décadas depois, Jamie carrega seus próprios demônios. Integrante de uma banda que vive na estrada, ele leva uma vida nômade no mais puro estilo sexo, drogas e rock and roll, fugindo da própria tragédia familiar. Agora, com trinta e poucos anos, viciado em heroína, perdido, desesperado, Jamie reencontra o antigo pastor. O elo que os unia se transforma em um pacto que assustaria até o diabo, com sérias consequências para os dois, e Jamie percebe que “reviver” pode adquirir vários significados.



Revival


Revival já começa com uma prerrogativa grandiosa: uma singela homenagem aos maiores autores do terror clássico, como H. P. Lovecraft, Mary Shelley, Shirley Jackson e outros. Não é difícil comprar a ideia de Stephen King e partir para uma leitura com as maiores expectativas. É engraçado, inclusive, como funciona a minha relação com os títulos do autor. Quando menos espero, é quando ele mais me surpreende. O inverso também se provou verdade, porque Revival foi uma das experiências mais fracas que já tive com o mestre do terror.


“Não está morto o que pode em eterno jazer

Em estranhos éons, mesmo a morte pode morrer.”

H. P. Lovecraft


Revival conta a história de Jamie Morton e o acompanha por toda a sua vida, desde a primeira infância até a velhice, com a narração do próprio. Jamie vem de uma cidadezinha do interior do Maine (típico), um dos cinco filhos de uma família grande e tradicional. Logo no começo, Jamie conhece o Reverendo Jacobs e ali começa uma ligação que se perpetua por toda a história.


Os problemas da narrativa começam justamente nesse ponto. A ideia de uma conexão predestinada com Jacobs, um elo indissolúvel, seria interessante se a vida de Jamie não fosse tão minuciosamente e demoradamente descrita. Mais de sessenta por cento do livro dedica-se exclusivamente a tratar das transições de idade, das reuniões familiares, relacionamentos, carreira etc. de Jamie. O livro é cozido em banho maria e quase nada acontece por páginas a fio. Mesmo com tudo isso servindo para contextualizar e aprofundar o personagem, que, por sinal, é sim cativante, Jamie não convence o suficiente para exigir tanto espaço e tempo do leitor.

Como protagonista do King, conhecido por seus personagens vívidos e super problemáticos, Jamie apresenta uma linearidade muito pouco característica. Não havendo nada de memorável ou muito interessante, resta apenas a simpatia por um mocinho “gente boa”. De outro lado, porém seguindo o mesmo fluxo, o antagonista também não agrega muito, passando batido por outros tantos vilões mais interessantes do autor. É fácil perceber sintomas clichês no personagem. Nada surpreendentes, portanto, os personagens (que costumam ser um grande trunfo do Stephen King) não são ruins, porém estão longe de serem realmente bons.


“Quando alguém fala de riscos aceitáveis, a pergunta que cabe é: ‘Aceitáveis para quem?’”.

A fixação do Reverendo Jacobs pela eletricidade é o que movimenta – razoavelmente – a trama, cheia de experimentos e curas “milagrosas” através de forças misteriosas e mais poderosas que se imagina. É essa eletricidade que permeia e assombra a vida de Jamie, e alguns elementos narrativos utilizados são interessantes, como os efeitos colaterais das curas realizadas. King se aproveita de momentos de marasmo (acho que essa palavra inclusive define o ritmo da leitura) para atacar com trechos sombrios e agoniantes, mas passado o impacto nos vemos de volta à mesma narrativa arrastada.


Apesar de eu detestar fazer isso - vocês vão precisar me perdoar - preciso dizer o quanto o final me decepcionou. Esse foi, inclusive, um dos fatores que mais abaixou a minha avaliação geral. Apesar de tudo ser bem amarrado, até porque estamos falando de um dos maiores contadores de história da atualidade e o talento do King é indiscutível, a impressão que fica é a de um filme B de terror trash.

Gostaria de ter coisas melhores a falar sobre Revival. Eu quis ler esse livro por muito tempo, mas a cada página o desconforto só crescia. Mas está tudo bem, porque nem sempre acertamos na escolha da leitura, e nem sempre o mestre King acerta também. Revival é um livro correto, sem defeitos aparentes além da morosidade, porém profundamente batido e desinteressante. Infelizmente, deixou a desejar.











Ficha técnica:


Nome: Revival

Autor: Stephen King

Editora: Suma

Tradutor: Michel Teixeira

Número de Páginas: 376

Lançamento (no Brasil): 2015


Link de compra:

https://amzn.to/3gPhhYa


Livro cedido em parceira com a editora Cia. das Letras.









0 comentário
bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.