top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Scoogled" de Cory Doctorow

Atualizado: 6 de mar. de 2019


Um funcionário do Google descobre uma verdade aterradora e acaba se envolvendo em uma trama que vai colocá-lo em uma espiral de acontecimentos terríveis.



Ficha Técnica:


Nome: Scroogled

Autor: Cory Doctorow

Editora: Radar

Gênero: Thriller, Ficção Científica

Número de Páginas: 31

Ano de Publicação: 2007


Uma sociedade vigiada


Cory Doctorow é um blogueiro que se tornou autor de vários livros cuja temática era o mau uso da tecnologia. Eu tenho uma impressão ruim dele: seu livro Pequeno Irmão foi uma das minhas piores leituras realizadas no ano de 2013. Tudo o que eu falei a respeito de Neuromancer elevado ao quadrado. Praticamente as mesmas críticas acerca de envelhecimento precoce da escrita do autor e referências pop culture (no caso referências de informática e uso da internet e de programação) que, se o leitor não compreender, prejudicam a leitura. Mas, Scroogled , me impressionou positivamente.


Greg Lupinski é um funcionário do Google que saiu de férias após anos incessantes de trabalho sem fim. Pegou um bronzeado, perdeu alguns quilos e teve algumas experiências sexuais exóticas. Quando retorna de suas férias é parado por alguns seguranças no aeroporto que investigaram a sua vida online e descobriram coisas assustadoras. O Departamento de Defesa o prende por algumas horas alegando que Greg teria visitado alguns sites com inclinações terroristas e ele seria considerado um elemento de interesse.


Após sair dessa confusão, Greg tenta retomar sua vida normal. Mas, percebe que agora ele está sendo vigiado. Todo e qualquer site que ele freqüenta é vigiado pelo Departamento de Defesa. Greg busca então a ajuda de sua colega Maya. Só então ele percebe o quanto sua vida mudou.



Scroogled

A história remete muito à George Orwell e sua obra 1984. O autor utiliza esta temática a partir de vários ângulos diferentes. Scroogled foi capaz de me aterrorizar mais do que Pequeno Irmão. Mesmo sendo um conto, o autor conseguiu causar aquela sensação de iminência, de não ter opções, de estar contra a parede. Pequeno Irmão possuía uma péssima concepção e personagens rasos e bobos, além de desprovido de impacto. Mesmo o tema sendo interessante, o autor não foi capaz de, naquele momento, prender seu leitor na história.


Os personagens são adequadamente construídos. Doctorow foi inteligente ao empregar apenas três personagens para conduzir a história. Aliás, podemos considerar apenas dois, já que a namorada de Maya pouco participa da história. Ao empregar uma abordagem mais minimalista, o autor pôde se ocupar mais na construção da ambientação e do enredo.


A ambientação é assustadora. Se pensarmos que o autor está usando o nosso mundo para construir a história é algo ainda mais assustador. Não existem aqui elementos fantásticos ou dispositivos de alta tecnologia para compor um cenário de ficção científica. Trata-se de uma história de suspense que acontece nos dias de hoje. Qualquer pessoa poderia estar no lugar de Greg. Aliás, podemos estar sendo vigiados neste exato momento por algum órgão governamental que pode acessar nossos e-mails, dados, histórico de navegação e preferências. Sabe-se quantos de nós somos investigados diariamente ou se todos nós somos investigados. Deixamos informações pessoais que poderiam compor um dossiê todos os dias. É possível rastrear hábitos, manias e características pessoais apenas observando rastros de navegação pela internet. Se somarmos isso às pesquisas feitas no Google temos até a informação de que assuntos a pessoa está procurando saber mais neste momento.


O final da história é chocante. É a demonstração de Doctorow de que no nosso mundo atual somos alvo de investigações a todo o momento. E que um Departamento de Defesa com posturas totalitárias pode tomar medidas drásticas na afamada guerra contra o terror. Fui capaz de perceber um discurso panfletário da parte do autor. Ele certamente está fazendo uma defesa da liberdade de sigilo da informação. Doctorow sente que podemos caminhar para um mundo parecido com o que Orwell imaginou em 1984. E estamos em uma realidade tecnológica que torna isso possível neste momento, se já não for real em certos países de tendência mais conservadora.










0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.