• Paulo Vinicius

Resenha: "Okami/Mono" de Kawakeiko

Uma menina que conta mentiras foge emburrada para a floresta e dá de cara com uma estranha menina desejando apenas brincar. Como se dará a relação entre a protagonista e este aparente espírito da floresta?

Os contos folclóricos orientais são repletos de lições importantes sobre amizade, confiança, lealdade, humildade. Conhecemos pouco dessas histórias. E esse pouco vem do contato com mangás e animação japonesa. Quantas vezes já não vimos histórias com shinigamis, youkais, kitsunes e tantos outros espíritos. Kawakeiko tenta trazer estas histórias para nós, para que possamos ter um contato maior com eles. 

A publicação é no estilo fanzine, mas mesmo assim é muito bem acabada. O cuidado da Kawakeiko com o material apresentado para o leitor é nítido. A arte dela é deslumbrante. Pensar que ela fez todo este trabalho à mão, sem nenhum toque digital, é magnífico e assustador ao mesmo tempo. A habilidade dela de compor cenas é demais. Tem uma cena em Okami em que a menina segue a Okami pisando em pequenas plantas acima da água (seriam vitórias-régia??) em que vemos detalhes como o movimento da água, as pétalas das flores. Outra coisa que a Kawakeiko domina bem é como usar o letramento para dar gravitas a uma cena. Então a gente vê que quando a letra é pequena, significa uma suavidade no que está sendo apresentado; quando as letras estão enormes, demonstra uma preocupação, um desespero ou um grito. São pequenos detalhes que dão um outro nível à arte. 



Os personagens são compostos com uma clara inspiração no mangá. Isso é inegável até pela forma como a artista compõe as cenas. Quase sempre são quadrinizações grandes com dois ou três quadros por página, tendo mais apenas em alguns lugares. Mesmo assim, nestas situações com muitos quadros, na maior parte são quadros letrados com fundo branco ou preto, muito mais para apresentar uma reflexão da personagem. Ou seja, temos páginas inteiras com uma cena. E são coisas lindas demais. Tem uma página emocionante em que a okami olha triste para o que a protagonista acaba de fazer com ela. E o fato de o quadro ser grande passa uma forte emoção à cena. 

Em Okami temos a história de uma menina que mentiu em seu vilarejo e sai emburrada para a floresta. Lá ela encontra uma okami que a segue querendo apenas brincar com ela. E aí a protagonista abusa da inocência e da confiança do okami apenas para ver o que acontece depois. Muitas histórias japonesas trabalham esta questão da honra e da importância da palavra. O quanto isso perturba o equilíbrio natural do mundo. Kawakeiko nos apresenta uma história inspirada no conto do okami e mantém o sentido original dela. Ou seja, é como se estivéssemos lendo um conto de fadas em seu original: violento e cautelar. 

Já em Mono temos uma pequena amostra do que a Kawakeiko sabe fazer. Aqui temos o nosso espírito okami portando um pequeno pedaço de trevo como um guarda-chuva (o que me fez pensar nos mitos ainus) buscando uma companhia. 


Na verdade, essa personagem busca apenas isso e ela vai encontrar em um pequeno lobo que estará a seu lado. Uma pequena história que destaca a importância da amizade e o quanto ela preenche nossas vidas. ​

​Se vocês não conhecem ainda o trabalho da Kawakeiko, corram atrás. Uma belíssima narrativa, recheada dos contos japoneses em seu original aliado a uma bela arte feita completamente na pena. Tenho certeza que todos os amantes de boas histórias em quadrinhos vão gostar destas duas histórias. ​

Ficha Técnica:

Nome: Okami / Mono Autora: Kawakeiko Editora: Auto-Publicado Gênero: Fantasia Número de Páginas: 50 / 12 Ano de Publicação: 2018 / 2018


Avaliação:

Tags: #okami #mono #kawakeiko #folclore #amizade #confianca #familia #pertencimento #identidade #amadurecimento #hqs #leiahqs #amohqs #ighqs #leianovosbr #leianacionais #ficcoeshumanas




ficções humanas rodapé.gif

Todos os direitos reservados.

Todo conteúdo de não autoria será

devidamente creditado.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

O Ficções Humanas é um blog literário sobre fantasia e ficção científica.