• Paulo Vinicius

Resenha: "O Mago e o Guerreiro" de Diogo Ramos

Durante suas aventuras junto de uma caravana, um guerreiro ao conversar com um mago decide escrever suas histórias. Veremos as dificuldades e os desafios que o guerreiro precisará enfrentar para pôr suas ideias no papel. 

Sinopse:


A arte de escrever ganha vida quando o Mago e o Guerreiro se unem em uma jornada para encarar os desafios de quem resolve contar histórias através da escrita. Dez contos curtos retratam dificuldades enfrentadas por escritores iniciantes e as batalhas travadas para superá-las.

“E livros, meu caro, são exércitos de palavras prontos para invadir mentes. Exércitos formados para conquistar o coração de quem lê.”





Muitas vezes quando queremos estudar algo sobre escrita criativa, precisamos recorrer a grandes manuais e a autores mais conhecidos. Normalmente livros do gênero são livros chatos e morosos enquanto que outros funcionam mais como autobiografias de um autor. Usando a sua experiência como blogueiro e professor, Diogo Ramos cria uma história fascinante sobre um mago e um guerreiro buscando decifrar os mistérios da pena e da escrita. 

O Mago e o Guerreiro é formado por diversos contos que se conectam em uma história central sobre dois personagens que estão em uma caravana e precisam enfrentar vários desafios. Um dado momento o Mago mostra ao guerreiro alguns de seus escritos. Curioso, o Guerreiro aceita o desafio do Mago para colocar suas aventuras no papel. A partir daí somos apresentados a diversos momentos em que o Guerreiro precisa enfrentar desafios para escrever sua história como como iniciar, o abuso de adjetivos e advérbios, como evitar a procrastinação, etc. O final criado por Diogo é belo e poético e nos faz refletir bastante sobre o papel da escrita em nossas vidas. 

Gostei demais da maneira como o autor insere dicas de escrita usando uma narrativa bem sensível. Em vários momentos dá aquela sensação de filmes de mestre e aluno onde o aluno precisa superar diversas lições fora do comum para poder superar seus obstáculos. O mais legal é que isso é feito de uma forma bem tranquila e compreensível através de situações-problema que simulam dificuldades reais passadas por um autor. Aqui vai muito da profissão de mestre do Diogo que com certeza traduziu isso para o papel. Eu recomendo a leitura de O Mago e o Guerreiro a todos, sejam aspirantes a escritores ou não. É uma leitura que vai tocar a todos de maneiras bem curiosas. Excelente trabalho do Diogo e fiquei curioso por novos trabalhos dele. 

Ficha Técnica:

Nome: O Mago e o Guerreiro Autor: Diogo Ramos Editora: Auto-Publicado Gênero: Fantasia ​Número de Páginas: 72 ​Ano de Publicação: 2017

Link de compra: https://amzn.to/2wFbtMq


Tags: #omagoeoguerreiro #diogoramos #escritacriativa #palavras #historias #magia #esforcocriativo #amoleitura #loucosporlivros #iglivros #igliterario #leianacionais #leianovosbr #ficcoeshumanas




ficções humanas rodapé.gif

Todos os direitos reservados.

Todo conteúdo de não autoria será

devidamente creditado.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

O Ficções Humanas é um blog literário sobre fantasia e ficção científica.