• Paulo Vinicius

Resenha: "Menina Bonita Bordada de Entropia" de Cirilo S. Lemos

Atualizado: Jun 4

Uma menininha é resgatada por demônios pescadores que veem uma iguaria pronta para ser devorada. Mas, em seus olhos inocentes se escondem segredos horripilantes.



Sinopse:


Uma embarcação da Sociedade Tecnocrata, repleta de demônios pescadores, resgata do leito lamacento do mar uma Menininha. A ideia é devorá-la, como a iguaria que é. Mas o Capitão, um autômato classe Norton e funcionário exemplar, prefere obter a autorização da empresa antes. Cercada por demônios e robôs, que chance pode ter uma adorável Menininha?





Brincar com a imagem da inocência de uma criança já foi tema de narrativas de vários escritores. Cirilo brinca com isso em uma narrativa repleta de símbolos e imagens. Ele consegue nos conduzir de uma maneira por metade do conto e depois inverte nossas expectativas de uma maneira terrível. E o curioso é que ele faz isso em um equilíbrio calcado na aleatoriedade presente no próprio título do conto que envolve a noção de entropia. Esta se refere à segunda lei da termodinâmica que rege o caos e a desordem.


Os simbolismos estão presentes por todo o conto. Não quero apresentar todos porque estragariam as surpresas narrativas. Mas, queria trabalhar um. Nosso universo surgiu do Big Bang, uma explosão que gerou a sopa primordial do cosmos. A partir desse Big Bang é que nascem as estrelas e os planetas. O conto começa com a menininha dentro da água simulando um nascimento. Ela é retirada da água, quase como se fosse um parto. A figura de uma jovem e delicada criança em contraponto a demônios considerados malignos e infernais. Então temos uma contradição clara aí. Mas, na segunda metade da narrativa, o autor inverte a expectativa ao inverter os símbolos. Isso permite aos leitores várias leituras possíveis e estamos falando de um pequeno conto de doze páginas.


A escrita do Cirilo estimula a formação de símbolos na mente do leitor. O imagético vai rondar as descrições feitas por ele. Muita coisa é insinuada, não dita de forma direta. Gosto disso porque faz com que o leitor se sinta participativo da formação da narrativa. Quando é necessário o emprego de terror ou elementos de horror o autor não se intimida e os emprega sem medo. Chega até a me pegar de surpresa quando vem. É uma leitura rápida, mas que você vai precisar fazer uma ou duas releituras para pescar alguns símbolos que não ficam tão claros em uma primeira leitura.










Ficha Técnica:


Nome: Menina bonita bordada de entropia

Autor: Cirilo S. Lemos

Editora: Draco

Número de Páginas: 12

Ano de Publicação: 2012


Avaliação:



Link de compra:

https://amzn.to/30vzT9j









Posts recentes

Ver tudo