top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Aventuras de Menino" de Mitsuru Adachi

Uma coletânea de histórias que certamente vai resgatar suas memórias de infância. Um grupo de amigos perdidos na estrada que se lembram de um acontecimento trágico, um bar que parece parado no tempo e rememora escolhas nunca feitas são algumas das histórias presentes aqui. 

Sinopse:


Em Aventuras de menino, o mestre japonês Mitsuri Adachi explora, com a delicadeza que lhe é característica, a saudade da infância e a melancolia de tornar-se adulto.




Quantas vezes já não nos pegamos pensando a respeito de nossa infância? Amigos que ficaram para trás, momentos de nossa vida que sabemos que nunca retornarão. Ou aquele menino ou aquela menina de quem você gostava, mas nunca teve a coragem de abordar. São essas as histórias que Mitsuru Adachi nos apresenta nessa coletãnea repleta de momentos divertidos e outros emocionantes. São 7 histórias que tem em comum o tema da nostalgia. 

Lá vou eu falar da qualidade do trabalho da L&PM. O tamanho... o tamanho. Ah, o tamanho. O traço do Adachi é tão lindo. E o tamanho do mangá achata completamente os quadros pensados pelo mangaka. Em alguns momentos ocorrem quebras de diagramação por conta do tamanho. Você consegue perceber que o espaçamento (aquela sobrinha entre o quadro e o final da página) não existe. Outro ponto: por que raios não fazem um bendito texto falando sobre o mangaka? Okay, eu aceitava pelo menos uma biografia dele e quais as suas principais obras. Adachi é uma lenda, mas ele é basicamente desconhecido no Brasil. O mínimo que se pode fazer é apresentar a importância dele para o mercado japonês. Pedia para qualquer blogueiro ou booktuber especialista em quadrinhos e mangás fazer um texto fuleirinho e colocava no final. Não daria trabalho. Repito: entendo a ideia da L&PM de popularizar mangás com temáticas mais adultas, mas não é assim que se faz as coisas. Acho que deveria ter havido um pouco mais de carinho na produção. 

O roteiro do Adachi é muito sutil. As narrativas dele procuram ressaltar bastante o cenário, a composição de cena e as expressões dos personagens. Ao falar de texto em si, é preciso destacar o quanto o estilo dele é clean. Várias histórias possuem bem pouco texto. Adachi mostra mais do que conta. O que é uma máxima que se tornou muito falada nos dias de hoje. Ele faz uma mescla entre um estilo mais fantasioso e algo mais pés no chão. Gostei muito da harmonia entre as histórias. Quando o leitor chega no terceiro conto, ele já sabe qual é a temática geral das histórias. Não há uma variação muito grande entre elas. Para mim, isso é muito bom porque demonstra que os materiais foram pensados como um todo. Não são histórias desconexas juntas por um curador. 

E que traço lindo. O uso que ele faz do preto e do cinza são lindíssimos. Ele tem uma mescla de elegância e sutileza vistos em poucos autores. O autor emprega muito os jogos de câmera para trabalhar um mesmo acontecimento sob vários ângulos distintos. Por exemplo, na cena acima temos um garoto observando e depois pegando um pequeno dragão do topo de um relógio. Vemos uma sequência desde ele descendo a escada,olhando para o relógio e pegando o objeto. Tudo sem nenhuma fala. Deduzimos a cena apenas por esta sequência. Parece simples, mas exige todo um domínio não só do desenho, mas de como encaixar estas cenas em uma ordem coerente. O design de personagens do Adachi é bem clássico e por alguns momentos me fez lembrar o Tezuka. Poucos traços e bem diretos para facilitar o trabalho do mangaka, ao mesmo tempo em que ele impõe detalhes como blusas, calças e ternos com pequenos detalhes. O cenário no fundo não é esquecido como quadros com pinturas, as folhas de uma árvore (que possuem todas as suas nervuras) que não parecem iguais, um salão repleto de itens diferentes. Gosto de como o Adachi faz as coisas parecerem simples quando na verdade não são. É o nível dele que é tão elevado que atingiu outro patamar de harmonia. 

Vou falar de duas histórias que eu gostei muito. Começando pelo fim, Caderno de Desenho é uma linda história sobre um rapaz que ia muito até uma cafeteria onde passava horas desenhando e pensando na vida. Ele tenta se declarar para uma menina que ele passou anos seguindo-a e toma uma negativa. Mas, aí vemos que esta menina se divertia rejeitando os rapazes que ela seduzia. É uma história sobre escolhas erradas e sonhos nunca realizados. O caderno de desenho onde ele colocava seus sonhos foi esquecido na cafeteria e todos os outros que ele tinha foram jogados fora em prol de uma vida de adulto. O autor não questiona se as escolhas do protagonistas foram corretas ou não. Não importa. Escolhas são escolhas, e temos todo o direito de arrependermos delas. Mas é possível também tentar corrigir e quem sabe contornar determinadas situações. 

Já Perdidos na Estrada trata de escolhas não feitas também, mas com um tom mais sombrio. Um grupo de três amigos se vê preso em uma estrada dentro de uma floresta e rememora a morte de um amigo. Eles se ressentem de não terem sido capazes de salvar seu amigo e até acreditam terem sido responsáveis pelo acidente que causou a morte de Michi, seu amigo, por conta de uma brincadeira que eles haviam feito. Quando somos crianças, fazemos coisas das quais nos arrependemos. Não sabemos a gravidade de algumas situações. Claro que isso não significa um sentimento de impunidade em relação a tudo. Nada disso. Apenas a compreensão de que crianças não possuem a mesma visão que um adulto a respeito das coisas. Ao mesmo tempo os amigos se ressentem de terem deixado o outro amigo que esteve envolvido na situação do acidente para trás. Como se eles tivessem julgado o amigo Daichi como O Culpado pela morte de seu amigo. Eles criaram uma barreira em relação a ele, o ocorrido sendo encarado como uma mácula que não deveria ser revista. 

As histórias de Adachi são riquíssimas em detalhes e sentimentos. Eu poderia ficar parágrafos e mais parágrafos comentando a respeito deles, mas prefiro deixar para que vocês, leitores, explorem a narrativa rica deste autor. Apesar da edição ruim do mangá, recomendo demais a leitura. Não tem como você não se emocionar ou refletir sobre alguns desses contos. Acredito até que o leitor irá se identificar com algum deles, ou alguma situação muito semelhante a alguma passada na infância. 


Ficha Técnica:

Nome: Aventuras de Menino Autor: Mitsuru Adachi Editora: L&PM Pocket Gênero: Romance Tradutora: Drik Sada Número de Páginas: 216 Ano de Lançamento: 2011

Link de compra: https://amzn.to/2M4UwAg







0 comentário

Comments


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.