top of page
  • Foto do escritorAmanda Barreiro

Desafio #LeiaMulheres: "Frankenstein" de Mary Shelley

Um dos maiores marcos da literatura gótica, Frankenstein continua a ser revisitado e reinventado a cada leitura. A história do criador versus criatura nunca saiu do imaginário humano e, de tão versátil e atual, consegue assumir diversas interpretações a cada nova leitura.

Sinopse:


O arrepiante romance gótico de Mary Shelley foi concebido quando a autora tinha apenas dezoito anos. A história, que se tornaria a mais célebre ficção de horror, continua sendo uma incursão devastadora pelos limites da invenção humana.

Obcecado pela criação da vida, Victor Frankenstein saqueia cemitérios em busca de materiais para construir um novo ser. Mas, quando ganha vida, a estranha criatura é rejeitada por Frankenstein e lança-se com afinco à destruição de seu criador.

Introdução e Notas por Maurice Hindle. Este volume inclui todas as revisões feitas por Mary Shelley, uma introdução da autora e textos críticos de Percy B. Shelley e Ruy Castro. E ainda um apêndice com textos de Lorde Byron e do dr. John Polidori.




Ninguém poderia abrir melhor o nosso projeto Leia Mulheres do que Mary Shelley. Autora de Frankenstein, ela desafiou paradigmas de sua época e posicionou-se firmemente à crítica literária cruel e indignada - especialmente devido ao fato de um romance tão brutal ser obra de uma moça de dezoito anos -, firmando-se como uma pioneira no gênero e uma das autoras mais influentes da história.

A história do cientista Victor Frankenstein e sua criatura composta de retalhos humanos costurados e reanimados através da energia galvânica (muito estudada à época de Mary Shelley, quando os estudiosos debatiam seus poderes “milagrosos”) é de amplo conhecimento público. Dividido em três volumes, originalmente, o romance narra os acontecimentos envolvendo os estudos de Frankenstein, sua criação hedionda e as consequências de seus atos. Tudo se concentra em torno do cientista e seu ponto de vista à descrição dos eventos. Linear, Frankenstein possui uma lógica bastante simples, mas as ideias se enredam de tal maneira, utilizando-se de ferramentas narrativas tão sofisticadas, que justificam seu status de excelência literária.

​“Para examinar as causas da vida, devemos antes recorrer à morte.”

A escrita de Mary Shelley é um dos meus pontos favoritos. É realmente impressionante observar a estrutura narrativa, iniciando-se de forma epistolar e fluindo com perfeição ao relato de Victor Frankenstein. A divisão em três volumes se deve ao formato de publicação da época, mas serviu muito bem aos propósitos de Shelley. A autora é sensível em suas variadas críticas à humanidade, mas utiliza uma linguagem direta e objetiva, muito distante dos floreios apaixonados do romantismo clássico. Isso garante agilidade e fluidez à leitura e nos permite focar no que realmente importa na trama.

A todo o momento observamos o jovem cientista Frankenstein debater-se com suas questões morais, além do todo o medo e culpa sentido por ele após ter lançado tamanho mal ao mundo – sua terrível Criatura. É um personagem denso, habilmente construído e aprofundado. Victor, desde o início, nos dá pistas sobre os problemas que tanto afligiam a autora: as atitudes inconsequentes do ser humano, a impulsividade, a curiosidade desmedida e os limites da ciência. Vemos todas essas temáticas entrelaçarem-se na personalidade de Victor, em suas atitudes egocêntricas e imaturas.

À Criatura, a quem popularmente ficou atribuído o nome de Frankenstein, seu criador, Mary Shelley reserva boa parte da narrativa. Sentimos cada diálogo entre criador e criatura, momentos esses onde percebemos o quanto a autora se doa à história. Os tormentos emocionais submetidos à Criatura e o abandono sentido em seu íntimo enriquecem o personagem e permitem uma discussão moral persistindo até o final da trama, em uma constante dualidade de bem e mal. Afinal, o homem nasce bom e a sociedade o corrompe, ou a maldade está em sua essência? Victor Frankenstein e sua criatura são exemplos de personagens que, de tão vivos e complexos tornaram-se imortais.

​“Estás disposto a me matar. Como te atreves a brincar assim com a vida?”

Quando reunimos todos os elementos, percebemos a grandiosidade da autora. Mary Shelley ecoa personalidades e emoções com as quais leitores de qualquer época conseguem se identificar. Suas críticas voltadas à humanidade persistem: o homem desafiando a natureza, a curiosidade vencendo a razão, a ganância sobrepondo-se à ética. E mais além, transportando a história para os dias atuais, percebemos como o comportamento preconceituoso, no qual a imagem prevalece ao caráter, continua a se repetir.

Preciso comentar também sobre a edição da Penguin (Companhia das Letras), que está impecável. Além da tradução e revisão, que são excelentes, o livro conta também com vários anexos, além de um ensaio riquíssimo lançando luz à várias questões presentes na história, conectando elementos da narrativa à biografia de Mary Shelley e nos permitindo maior compreensão do espírito da autora e da necessidade compelindo-a a criar Frankenstein. A Penguin trouxa a edição final de Frankenstein, a terceira publicada enquanto Mary era viva e com revisões feitas pela autora, mas um dos anexos traz um comparativo entre a primeira edição e a revisada. Além disso, encontramos também dois contos, um do Dr. John Pollidori e outro de Lorde Byron, ao final do livro. Em suma, é uma edição completíssima e de alta qualidade.

Frankenstein, ou o Prometeu Moderno, supera expectativas. Quem imagina tratar-se de uma simples história de terror não imagina a profundidade de suas discussões. Estas nos atingir ao fazer-nos encarar nossa própria humanidade como o monstro que habita o mundo.


Ficha Técnica:

Nome: Frankenstein ou o Prometeu Moderno Autora: Mary Shelley Editora: Penguin Companhia das Letras Gênero: Ficção Científica Tradutor: Christian Schwartz Número de Páginas: 424 Ano de Publicação: 2015 (no Brasil)

Link de compra:  https://amzn.to/2TIlkL0







0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.