• Paulo Vinicius

Resenha: "Não Pare!" (Trilogia Não Pare! vol. 1) de F.M.L. Pepper

FML Pepper nos leva em uma alucinante jornada ininterrupta por um mundo que é o nosso, mas que esconde muitos segredos desconhecidos para nós. Conheçam Não Pare, o primeiro volume da trilogia de maior sucesso na Amazon.



Sinopse: Nina Scott não suportava mais a vida nômade e solitária que sua mãe, Stela, a obrigava a ter. Mudar de cidade ou de país a cada piscar de olhos, conviver com tantas perguntas que a consumiam, assombrada por mistérios de um passado guardado a sete chaves. Agora, aos 16 anos, a garota das estranhas pupilas exigia respostas. E, para sua péssima sorte, elas já estavam a caminho! Quando Stela decide ficar em Nova York, Nina acredita que seu sonho de ter uma vida normal vai se tornar realidade. Finalmente terminará o ano letivo em um mesmo colégio, poderá fazer amigos sem ter que abandoná-los em seguida, viver um grande amor, amadurecer, criar raízes... Enfim, curtir a adolescência. Mas o “normal” está muito longe da vida de Nina! Perdida no olho de um furacão de mortes e inexplicáveis acidentes, tendo que esconder os terríveis fatos da mãe paranoica, Nina começa a desconfiar da própria sanidade mental, de tudo e de todos. O que explicaria os paralisantes calafrios, a perda de visão e de memória que experimentava sempre que alguém morria ao seu redor? O que ela teria a ver com os bizarros e sobrenaturais acontecimentos? Estariam eles interligados?




Ultimamente eu tenho tido uma postura mais aberta em relação a vários livros e estilos literários. Como blogueiro e como alguém que se prontifica a dar suas impressões sobre um livro, eu preciso ter acesso a coisas diferentes daquilo que eu estou acostumado a ler. Algumas vezes isso surte um resultado negativo e eu fico chateado; outras vezes somos surpreendidos por algo completamente inusitado e que em um primeiro momento eu jamais teria contato. Não Pare! está no segundo caso.

Nina é uma jovem de 17 anos que possui um estilo de vida peculiar: sua mãe vive mudando de um lugar para outro. Isso incomoda muito a jovem Nina que gostaria de ter uma vida normal e poder fazer amizades e ter namorados como toda adolescente. Pior: Stela, sua mãe, não deixa que Nina se relacione normalmente com pessoas. Por esse motivo, Nina é uma reclusa, sempre mudando de cidade. Nina também não conhece seu pai, um assunto proibido com Stela. Alguns acontecimentos estranhos rondam a vida de Nina: ela é a garota azarada. Em um passeio por Amsterdam ela quase é morta pela faca de um atirador de facas (que acaba morrendo alguns dias depois). Mas, Nina está cansada de se mudar. Ela tem uma séria discussão com sua mãe e esta decide que é chegado o momento de pararem de fugir. Elas irão morar em Nova York e Nina finalmente terá a vida que tanto deseja. Chegando na cidade ela se matricula na escola e começa a viver seu sonho. Mas, logo Nina perceberá que os segredos que sua mãe escondia dela são mais perigosos do que ela imagina. E se mudar de cidade parecerá o melhor remédio no fim das contas... Mas, esqueça tudo isso. Nina não poderá parar se quiser viver.

Serei sincero logo de partida: o estilo de história escrito por FML Pepper não é o meu favorito. Fantasia urbana puxando um pouco para o romance costuma me afastar de uma possível leitura. Mas, dei uma chance para o livro e fui agradavelmente surpreendido pela escrita da autora. Pepper constrói uma história sólida e interessante que te conquista em um curto espaço de tempo. Foi algo que me fez cair para trás; e mesmo eu não curtindo tanto o gênero da história, eu queria saber o que iria acontecer a seguir. Mérito da autora.

Primeiramente é preciso analisar a escrita dela. Muito rápida e dinâmica, é algo que chega a ser característico de histórias Young Adult. Muito diálogo e todos eles com aquelas tiradas típicas de adolescente. Mas em nenhum momento a autora brinca com a inteligência do leitor. Nestes diálogos, os personagens demonstram até onde vão seus conhecimentos sobre o universo conhecido por eles. Talvez esta questão das tiradas no diálogo afastem alguns leitores, mas não esqueçam que isto é típico de um YA. Se você não gosta deste tipo de diálogo, nem pegue no livro em um primeiro momento. Embarque na leitura de coração aberto. Os capítulos são curtos e o leitor acaba lendo uma boa quantidade de páginas rapidamente. Nem sempre isso significa que um livro é bom, mas nesse caso de Não Pare! isto funciona muito bem. Até porque Pepper se compromete a escrever uma história de fuga e, para isso, todos os acontecimentos precisam ser non-stop.



O enredo também é bem construído. Eu gostei do fato de a autora nos colocar nos olhos da protagonista. A escrita é em primeira pessoa e nós estamos tão alheios ao que passa quanto Nina. Pepper não tem nenhuma pressa em construir a história. Ela vai apresentando progressivamente os acontecimentos, seguindo em um crescendo inacreditável. Quando ficamos sabendo dos segredos de Nina, estamos iguais a ela: incrédulos e perdidos. A autora nos coloca em um labirinto cercado de informações por todos os lados e acabamos levando vários socos no estômago com o revelar das informações.

Achei a sequência final um pouco confusa com a batalha no deserto. Pode ter sido eu que não entendi muito bem, mas me soou estranho algumas cenas. Não sei. Algumas coisas aconteciam por cima das outras e eu não consegui imaginar bem o que acontecia com todos aqueles personagens se enfrentando simultaneamente. Entendi o senso de urgência ali, só não entendi a disposição das cenas. Entretanto, a autora deixou um excelente gancho (até de forma honesta) para o segundo livro. O leitor fica salivando para saber o que aconteceu.

Gostei dos personagens apesar de que a autora acaba se focando mais na Nina, na Stela, no Rick e no John. Estes tem as suas características muito bem desenvolvidas. Richard deve ter sido o personagem mais complicado para a autora construir porque ela precisa esconder as motivações o tempo todo do personagem. John é o único herói típico a la romance de Não Pare!. Richard é um personagem rico em camadas que vão se revelando pouco a pouco. Quando imaginamos que conhecemos o personagem, ele faz alguma cosia que nos provoca uma nova reflexão sobre o que ele pretendia antes. Apesar de as cenas de Stela terem sido poucas eu acho que a autora conseguiu passar bem o papel de mãe e seu amor por Nina. Mesmo as brigas entre mãe e filha são típicas da idade e apenas mais para o final da história que ficamos conhecendo um pouco mais sobre suas motivações. Eu gostaria de ver a Pepper desenvolver mais os personagens de suporte para a protagonista e imagino que seja isso o que ela vá fazer no segundo livro.

Não Pare! se revelou uma grata surpresa para mim. Uma ambientação curiosa e um desenvolvimento de história bem peculiar, a autora conseguiu me vender o seu peixe. Para quem não curte romances YA ficar tanto tempo preso a uma história (e ansioso pela continuação) são méritos dela. Os personagens são interessantes e repletos de camadas que são descascadas pouco a pouco pela autora. Corram atrás desta trilogia porque vocês não se arrependerão. Ou melhor.... Não parem!




Ficha Técnica:


Nome: Não Pare!

Autora: F.M.L. Pepper

Série: Não Pare vol. 1

Editora: Valentina

Gênero: Fantasia

Número de Páginas: 280

Ano de Publicação: 2015


Link de compra:

https://amzn.to/2X3qRgz


Tags: #naopare #fmlpepper #sobrenatural #poderes #nina #adolescentes #youngadult #nina #fantasiaurbana #morte #fantasia #leiafantasia #amofantasia #editoravalentina #ficcoeshumanas

ficções humanas rodapé.gif

Todos os direitos reservados.

Todo conteúdo de não autoria será

devidamente creditado.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

O Ficções Humanas é um blog literário sobre fantasia e ficção científica.