• Paulo Vinicius

A estranha mansão Shadow

Emilico é uma boneca viva criada para servir à sua mestra, a senhora Kate. Mas, Kate pertence a uma família especial de pessoas que são sombras, não possuindo rosto. Em uma mansão repleta de mistérios, Emilico vai descobrir a amizade, o companheirismo e tentar descobrir o que se passa no lugar.



Okay, eu achei Odd Taxi o esquisito da temporada de primavera do Japão. Por ser um anime noir com animais falantes e gangsters realmente conquistou a coroa de estranheza. Mas, Shadows House não fica nem um pouco atrás. Parece um anime fofinho com uma personagem bonitinha e alto astral aprontando mil aventuras em uma mansão. Ênfase aí no parece. Esse é aquele anime que vai ficando cada vez mais esquisito à medida em que os episódios vai se passando e a atmosfera alto astral vai sendo substituída pela curiosidade pura e simples. Comecei a assistir o anime pela sinopse diferente e meio maluca e imaginei que iria abandonar lá pelo segundo ou terceiro episódios. Era sempre o último que eu assistia na semana e quase sempre eu deixava para assistir em cima da hora (os episódios inéditos passavam aos sábados e eu assistia na véspera dos inéditos). Mas, pouco a pouco ele foi despertando a minha atenção com as suas insanidades e eu passei a querer ver mais. Até o momento em que eu via na hora em que um episódio inédito saía. Mas, deixa eu te contar mais sobre ele.


Por incrível que pareça, Shadows House é um anime da demografia seinen que tem como origem o mangá escrito por So-ma-to publicado desde 2018 na revista Young Jump Magazine. Conta com oito volumes e continua a ser publicado. A animação foi feita pelo studio Cloverworks (de Promised Neverland, Made in Abyss) e tem como diretor Kazuki Ohashi (de Kakegurui e Nisekoi) e o roteiro foi adaptado por Toshiya Ono (que trabalhou no anime 86 também nesta temporada). O anime teve treze episódios nesta temporada, mas não temos informações até o momento sobre uma renovação. Tem material ainda a ser adaptado. Quero dizer que assistir Shadows House e ver o Cloverworks retomando o seu bom trabalho foi uma alegria para os meus olhos. Diante das maluquices que o estúdio aprontou na temporada anterior, foi bom se focar em menos animes (Shadows House foi o único dessa temporada de primavera). Então dá para ver o quanto o estúdio é extremamente talentoso com animação, escolha de equipe e composição da trilha sonora. Tecnicamente, Shadows House é um dos melhores dessa temporada. Só a história que vai afastar alguns espectadores pelo nível de estranheza.


Vamos tentar explicar essa bagunça. A protagonista da história é Emilico, uma boneca viva criada para servir sua mestra, a senhora Kate. Na mansão Shadow, cada integrante da família tem um boneco vivo que atende a todos os seus desejos. A família é formada por pessoas que não tem rosto e sua aparência física é repleta de sombras. Por eles serem sombras, partes de seu corpo podem se desgrudar como se fosse uma fuligem que suja o lugar onde eles vivem. Cabe aos bonecos deixar o seu mestre e o local totalmente limpos. Emilico começa como alguém que cuida do quarto de Kate, conversa com ela e depois retorna à sua alcova. Mas, logo isso muda e ela passa a poder frequentar outros cômodos da casa e conhece outros bonecos vivos. Aparentemente os mestres não podem vagar pela mansão sem autorização. Emilico vai conhecendo a rotina da mansão como matar pequenos espíritos malignos formados por fuligem de seus mestres que ganharam vida. Ela logo faz amizade com outros bonecos vivos como Ricky, Lou, Rum, e Shaun. Um evento chamado de o baile de estreia se aproxima e Emilico não sabe o que é. E logo ela vai descobrir que a mansão esconde segredos obscuros.



Vou tentar contar um pouco da história sem entregar muito porque essa é a parte divertida. Emilico é a estrela do anime com sua personalidade alegre, curiosa e divertida. Ela é bastante atrapalhada no começo, deixando cair objetos e incomodando algumas pessoas por conta de suas perguntas. Algumas coisas ela não pode saber no momento e os bonecos mais velhos tem essas informações em partes. A relação de Kate e Emilico vai se desenvolvendo pouco a pouco com sua mestra contando partes de sua personalidade aos poucos a ela. Se Emilico é alegre, Kate é retraída e séria. Emilico serve também como os nossos olhos e ouvidos na história já que ficamos sabendo de várias coisas através dela. Mesmo que a própria personagem não compreenda determinada situação. Como qualquer protagonista, Emilico é bem única dentre todos os demais. Ela tem comportamentos bastante diferentes em relação aos outros bonecos, o que desperta a confiança de alguns membros do alto escalão da mansão. A própria Kate é bem diferente dos demais mestres.


Quando Emilico sai para o resto da mansão ficamos conhecendo mais sobre o que acontece. Uma informação (que não é spoiler) é que o chefe da família se chama Lorde Avô e vive em uma ala separada da mansão. Também vemos a existência dos monstros formados pela fuligem que se solta dos corpos dos mestres. Ou seja, esta fuligem tem uma espécie de inteligência própria e percebemos que os mestres possuem certas capacidades especiais através da manipulação da fuligem. Os mistérios vão se empilhando pouco a pouco quando personagens de outras alas da casa nos são apresentados como a Barbie, uma boneca viva que é responsável por supervisionar o trabalho de todas as bonecas na ala de Emilico. Isso sem falar na proximidade da festa de estreia, um evento aparentemente importante para bonecas e seus mestres, já que falhar neste evento implica em o boneco ser "desabilitado". O que é a festa, como ela se dá e o que é testado só vamos descobrir melhor quando ela acontece lá pelo final da temporada.


Vale comentar um pouco também sobre os principais bonecos que Emilico conhece. Começando por Shaun, que serve ao mestre John. Shaun tem aquele típico aspecto de herói, com uma personalidade corajosa e desapegada. Ele acaba fazendo amizade com Emilico após uma discussão com Ricky. Seu mestre, John, tem uma personalidade bastante... peculiar e explosiva (literalmente falando). Já Ricky serve ao mestre Patrick, um homem em busca de seu devido lugar na mansão. Ricky é arrogante e pensa estar em um patamar superior aos demais membros da ala. Mas, logo percebemos que isso é uma fachada para alguém que é inseguro e covarde. Ram é outra das bonecas com quem Emilico faz rapidamente amizade. Pena que Ram é muito introvertida e quase não fala inicialmente. Ela serve à mestre Shirley, com quem ela tem uma relação bem diferente e distante. Ram costuma conversar com o seu dedinho, que ela simula como se fosse uma marionete. Aliás, é a única boneca que não recebeu um nome de seu mestre. Por último temos a esbelta Lou. Servindo à mestra Louise, Lou é como um bibelô para Louise, que a todo momento se refere como ela é linda e maravilhosa. Entre as bonecas que elas tem menos contado estão Mia e Rosemary que são as mais velhas e servem para apresentar aquela ala da mansão para elas.



Talvez o detalhe mais bizarro de todos em Shadows House seja que os bonecos são os rostos de seus donos. Sim, é isso mesmo. Quando eles dão as mãos, os bonecos repetem gestos e falas deles. Quando vemos Ricky e Patrick fazendo isso pela primeira vez é assustador. A relação entre mestres e bonecos não é tão clara quanto parece e só vamos entender um pouco sobre o que ela é de verdade no final da temporada. E essa "fusão" entre boneco e mestre depende de um alinhamento de personalidades e da relação entre os dois. Isso se reflete muito no caso de Ram e Shirley que não possuem uma relação. Por outro lado, já mencionei que Kate é diferente dos outros mestres. E Emilico tem uma personalidade bastante individualizada em relação à sua mestra e Kate parece querer dessa forma. Quando Emilico parece querer atender a um padrão de comportamento, Kate fica extremamente chateada e ordena que Emilico pense por si só.


Vou parar por aqui ou entregarei coisas demais do anime. Shadows House conseguiu prender a minha atenção com uma trama bastante diferente que mescla encantamento e mistério. Mesmo tendo assistido a temporada toda, várias perguntas não foram respondidas e a gente fica curioso para saber mais sobre esses personagens. Espero muito que a série tenha dado certo e que possamos ver o resto da narrativa em alguma temporada futura.




0 comentário