top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Um pequeno livro de horror com grandes histórias

Nesta matéria vamos comentar sobre o livro Horror Oriental que contém um compilado de algumas boas histórias oriundas da China, da Coreia e do Japão. Histórias que vão nos mostrar como a cultura oriental se relaciona com o macabro.


Nas últimas décadas o cinema de terror oriental ganhou cada vez mais espaço no Ocidente. A ascensão da Netflix que investe pesado no material vindo do Oriente popularizou este cinema com sucessos como Old Boy, O Lamento, Sede de sangue e O Hospedeiro. Vemos o quanto o medo é interpretado de uma maneira diferente por eles e o contato com o mundo sobrenatural é mais próximo. Nesta coletânea trazida pela Laboralivros vamos nos deparar com narrativas antigas, de cunho popular, que nos apresenta a figuras como o nopperabo, os espíritos animais traiçoeiros, a rokurokobi (a mulher de pescoço longo) entre outros. E como estes aspectos culturais foram absorvidos por outras culturas e ressignificados. É um mergulho na história destes três países (China, Coreia e Japão) e o entendimento de o que os aterroriza e de que maneira eles lidam com o desconhecido.


Falando sobre a edição da Laboralivros, é um livro de bolso com uma boa quantidade de histórias distribuídas entre os três países. Gostei do formato, a edição está redondinha e ainda tem algumas ilustrações bem legais que remetem aos contos explorados. Logo no início da edição, a organizadora Lua Bueno Cyriaco explica como foi feita a curadoria além de comentar que em alguns casos se trata de uma tradução da tradução. O livro não se trata de um trabalho mais acadêmico sobre o assunto, sendo voltado para quem é curioso sobre cultura oriental ou lendas de terror. Isso talvez afaste quem procura algo mais específico e não há problema nisso. A Laboralivros tem outros materiais que podem te agradar mais como Shoujo Jigoku ou as coletâneas temáticas de Raposas e Gatos. As histórias são bem curtinhas, entre 2 a 6 páginas cada uma, refletindo o aspecto da tradição oral destas histórias. Meu único puxão de orelha vai para a revisão textual que não está legal tendo passado várias pequenas coisinhas. Normalmente não me incomodam, mas quando estão em um número mais alto podem atrapalhar a fluidez. Um material desses merece um carinho e atenção especial.


Vou falar um pouco sobre os contos dos três países e não pretendo entrar muito nas histórias porque acho que posso atrapalhar na leitura de vocês. Ao ler os contos chineses um destaque fica para como as forças sobrenaturais podem ser verdadeiramente malignas. Nenhum dos contos aqui vão te mostrar algo deixado para trás ou um memento de família. Aqui o sobrenatural está presente para devorar as pessoas. O encontro com o sobrenatural representa o azar ou a ruína de alguém. O Monstro e O Espírito da Montanha são bons exemplos disso. Cabe aos humanos sair do caminho daquilo que não pertence mais ao mundo terreno. Caso contrário, terão suas almas ou vidas perdidas. Por isso consigo compreender porque os chineses tem tamanho respeito por seus mortos, por realizar apropriadamente as cerimônias funerárias. Ao atender aos desejos daquele que está partindo, a pessoa impede que seu espírito permaneça para trás e cause mal aos familiares. O que me deixou bastante impressionado foi a facilidade como estes espíritos perseguem os seres humanos. Se o leitor se deparar com alguma coisa dessas acontecendo e for buscar na história alguma motivação para isso ocorrer e não encontrar, é totalmente normal. Talvez os contos de terror coreanos sejam os mais cautelares desta coleção. Aqueles que mais se relacionam à essência dos contos europeus tradicionais que conhecemos.


Os contos japoneses normalmente lidam com questões de desonra ou vingança. Mas, curiosamente, temos um conjunto de histórias que lidam com assuntos diferentes do que é normalmente visto. Aqui os espíritos ou o sobrenatural em si procura ludibriar suas vítimas para que saiam de seu caminho de alguma forma. Seja um espírito capaz de se disfarçar ou um grupo de pessoas que parecem ser inocentes, mas escondem alguma coisa. O japonês é visto como um indivíduo correto e preocupado em seguir regras. O terror está em sair do caminho de retidão de alguma maneira. Diferentemente dos contos chineses, existe a possibilidade de expiação para alguém que abandona seu caminho. Normalmente se tratam de tarefas tortuosas ou algum tipo de ritual que acalme as forças sobrenaturais. Contudo, existe algo em comum com o que comentei anteriormente que é o respeito àquele que faleceu. Um enorme sacrilégio entre os orientais é a violação de um túmulo. É algo que causa a ira imediata das forças que regem o mundo e, nos contos, quando algo assim acontece, a vingança acontece de uma maneira bem cruel. Um parênteses rápido tem a ver com O Caçador Silencioso, último conto da parte japonesa do livro, e que lida com a cultura ainu. Já afirmei o quanto tenho apreço pelos ainus e sua conexão com o mundo selvagem. No conto, todo cuidado é pouco no momento da caçada. Os kamuy, os espíritos animais, podem ser bastante sorrateiros com aqueles que os perseguem. E seus objetivos podem ser insondáveis em um primeiro momento.


Os contos coreanos são bastante voltados ao aspecto do monstruoso ou da criatura a qual não há igual neste mundo. Pode ser um espírito metamorfo que deseja tomar o lugar de alguém neste mundo. Ou demônios assombrando o palácio de um príncipe. Ou até um homem que está no lugar errado e na hora errada. Das três nacionalidades, os contos coreanos possuem o aspecto mais fantástico. Onde as criaturas sobrenaturais tem habilidades fora de nossa compreensão e podem dobrar a realidade à sua maneira. Somos vítimas dos humores de tais criaturas. Cabe a nós conseguir lidar com elas dentro da maneira como enxergam o mundo que as cerca. Os dois contos finais passam uma vaga ideia de um espírito peralta (um trickster), mas é mais uma impressão do que algo de fato.


Horror Oriental é uma interessante coletânea de histórias que variam do simples ao macabro passando por culturas que, mesmo diferentes, possuem seus elementos em comum. Trata-se de uma edição mais voltada para curiosos que desejam conhecer mais sobre as origens de algumas criaturas famosas dos filmes. A leitura é rápida, fluida e possui uma série de ilustrações. Vale a pena pelo conjunto. E parabéns para a Laboralivros por esse trabalho importante de trazer para o público brasileiro um pouco mais da rica cultura oriental.



Ficha Técnica:


Nome: Horror Oriental - Contos Populares Fantásticos e Sobrenaturais

Organizado por Lua Bueno Cyriaco

Editora: Laboralivros

Tradutores: Paulo Soriano e Lua Bueno Cyriaco

Número de Páginas: 102

Ano de Publicação: 2018


Link de compra:


*Recebido em parceria com a Laboralivros































Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.