top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Eu Matei o Libório" de Orlandeli

Atualizado: 4 de jun. de 2021

Libório. Nome maldito!! Uma pessoa que assombra a vida do protagonista desde sua infância. Sempre o melhor em tudo; sempre o perfeito. E sempre servindo de comparação para o protagonista que não tem a menor chance diante do Libório.



Sinopse:


Uma história completa contando o drama de um rapaz que descobre que a única forma de conseguir uma vida normal e feliz é matando o Libório. Um jovem politicamente correto e de bom coração. Exagero? Decisão precipitada? Aaaaah... Vocês não conheces o Libório.





Quantos de nós já não tivemos um Libório em nossas vidas? Um irmão, um amigo ou um parente ao qual sempre éramos comparados. Alguém super perfeito que a gente gostaria de fazer sumir de nossa existência. E é nessa vertente que Orlandeli escreve uma narrativa de humor negro e que tem duas camadas bem interessantes em sua leitura. O leitor pode escolher ficar naquela que ele considerar mais conveniente. Mas, de qualquer forma: bem vindo a uma história de assassinato. Aliás, assassinato não; legítima defesa porque o Libório precisa morrer.


Nosso protagonista começa sentado em uma cadeira e nos conta como é a sua relação com o Libório. Alguém que vem acompanhando sua vida desde a infância. Um cara perfeito, com notas e atitudes perfeitas. Sempre provocando o ato da comparação, ele ficou feliz quando finalmente foi capaz de se livrar do Libório após eles seguirem rumos diferentes em suas vidas. Durante a faculdade, ele consegue finalmente se destacar e até conhecer o amor de sua vida. Mas, como todas as coisas boas, o paraíso nunca dura muito tempo. E é em uma visita à casa da família de sua namorada, que o protagonista encara mais uma vez o motivo de suas frustrações juvenis: Libório. Ele está de volta. E ele precisa morrer.


A arte do Orlandeli já me é conhecida e eu tenho um fraco por ela por ser expressiva. Ela é exagerada o que quase sempre combina com as suas narrativas que exploram o lado emocional de seus personagens como em O Mundo de Yang e Os Olhos de Barthô. Seus personagens são expressivos, mostrando tristeza, alegria, satisfação, fúria, curiosidade, felicidade. É fácil discernir isso. Só que nesse quadrinho (que é um pouco mais antigo do autor) a gente percebe que o autor está se aprimorando e descobrindo o seu traço. Por essa razão não é o melhor meio para o leitor descobrir o trabalho do autor. Mesmo assim o forte emprego das silhuetas e dos fundos brancos ajudam a dar um ar experimental à obra. Não é um dos melhores trabalhos do autor, mas certamente quem acompanha o seu trabalho, vai se sentir totalmente em casa. E eu posso apreciar todos os quadrinhos do Orlandeli que não vou me cansar.


Essa HQ tem duas camadas bem interessantes. Como quase tudo o que o Orlandeli escreve. Se o leitor ficar no aspecto mais superficial, essa é uma ótima HQ de humor negro. Certamente vamos nos recordar de alguma pessoa de nossa vida que a gente adoraria mandar para o espaço se pudéssemos. O desejo do protagonista é algo compartilhado por várias pessoas. O engraçado é que o roteiro do Orlandeli dá um ar de justa causa para o protagonista. Tipo, ele está apenas se defendendo da maldade deste ser asqueroso que é o Libório. Só que aí tem sempre aquela pulguinha atrás da orelha. Isso porque o protagonista é um narrador não confiável. E ele está apresentando a visão dele acerca de um ato vil que ele cometeu contra o próximo. Isso porque o verdadeiro tema trabalhado nesta HQ é o da inveja. Oras, se temos alguém com quem as pessoas não se cansam de nos comparar, cabe a cada um de nós mostrar que somos indivíduos por nós mesmos e não existe essa possibilidade de comparação.


O protagonista comete um assassinato. Qualquer justificativa que ele dê acerca do fato é uma mera desculpa esfarrapada. Não há defesa contra isso. E o Orlandeli coloca isso com uma sutileza incrível. Ele deixa transparecer a raiva e a inveja do protagonista em pequenas frases. Como saber se o relato dele não é exagerado também? Afinal é a visão dele sobre os acontecimentos. Tanto que ele enxerga o Libório como um escovinha convencido. Mas, será essa a verdadeira forma dele? Enfim, essa é uma HQ interessante porque apesar de ela parecer ter uma temática simples, existem muito mais coisas escondidas nas entrelinhas. E é algo que somente um autor como o Orlandeli sabe fazer bem.













Ficha Técnica:


Nome: Eu Matei o Libório

Autor: Orlandeli

Editora: Autopublicado

Número de Páginas: 40

Ano de Publicação: 2013


Link de compra:










Commenti


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.