top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Ela Está em Todo Lugar" de Cherie Priest

Princess X é uma personagem criada pelas jovens Libby e May. Ela representa o que elas gostariam de ser e marcou o nascimento de uma doce amizade entre elas. Mas, Libby morreu em um acidente de carro. Três anos depois, imagens da Princess X começam a aparecer por toda Seattle. Mas, quem será que a está desenhando?


Sinopse:


May e Libby criaram a Princess X no dia em que se conheceram, e desde então tornaram-se inseparáveis. Através da personagem, as garotas mataram todos os dragões e escalaram todas as montanhas que a imaginação delas pôde criar.Até Libby e sua mãe morrerem em um acidente de carro.Três anos depois, May começa a ver imagens da Princess X em adesivos e pôsteres por toda a cidade. Isso só pode significar uma coisa: Libby está viva. E May não vai parar enquanto não encontrá-la.




A união de quadrinhos e prosa


Uma coisa que todo leitor de quadrinhos comenta é sobre a junção entre roteiro e narrativa visual. O quanto é importante as duas coisas conversarem entre si para produzir uma boa história. Cherie Priest tenta algo bem diferente aqui: criar duas histórias que atuam em paralelo, uma de uma menina investigando estranhos desenhos de uma personagem que ela criou junto de sua amiga e uma história em quadrinhos de uma princesa guerreira em busca de quatro chaves que permitiriam a ela resgatar o seu reino das forças do mal. É algo bem diferente e que produz uma história que, no mínimo, vale a curiosidade para ver como ficou o resultado final.


Este livro é a primeira aventura de Cherie Priest no mundo dos romances YA. Antes desse livro, ela havia conseguido sucesso com uma ótima série steampunk cujo primeiro volume chamava-se Boneshaker (que chegou a sair no Brasil por uma editora que eu sequer me recordo o nome). Sair de um romance adulto onde ela tinha liberdade para um romance Infanto-juvenil/YA é um salto grande até porque o próprio estilo de escrita acaba exigindo uma certa restrição na mão do autor. Se formos pensar a partir de uma literatura infanto-juvenil a autora até que conseguiu entregar uma história bem competente apesar de um começo meio truncado. Ela adotou o formato YA também na formatação dos capítulos, sendo eles pequenos e muito dinâmicos. A ação é apresentada de forma progressiva sendo que primeiro os personagens são introduzidos, depois a problemática e as complicações.


May conheceu Libby na sexta série. Sendo duas meninas deslocadas, elas acabaram naturalmente atraídas pela amizade uma da outra. Libby criou uma personagem junto de May chamada Princess X, uma princesa que usa um vestido, uma coroa, um all-star vermelho e portava uma espada. A amizade das duas se solidificou e elas viviam grudadas uma na outra. Um dia, um acidente de carro levou as vidas de Libby e sua mãe. O impacto para May foi muito grande ao lado da separação dos pais que a levou para longe de Seattle. Três anos depois, May está de férias na casa de seu pai. Ao explorar a cidade ela se depara com um cartaz da Princess X, para o seu total choque. Não apenas isso, mas existe um site com várias histórias dela. Quem teria criado? Quem é a responsável?



A amizade entre Libby e May é muito trabalhada ao longo da narrativa. O quanto Libby foi importante para o desenvolvimento dela. Se antes, May era mais introvertida, ela passa a ser uma pessoa mais livre. Claro que a morte de Libby causa um choque tremendo na vida dela, fazendo com que ela não queira mais se relacionar com outras pessoas. May se torna uma garota inteligente, embora traumatizada. No começo ela sonhava todos os dias com o retorno de Libby ou se ela poderia ter salvado sua vida. Esses "se" que sempre abalam a gente... o que poderíamos ter feito de diferente. Quando os cartazes da Princess X aparecem, ela percebe que alguma coisa está errado. Ela fica dividida entre seu sentimento por Libby e o fato de alguém estar lucrando com uma personagem que ela havia criado junto de sua querida amiga.


Este é um livro de investigação nos moldes das melhores histórias de mistério. Nós temos a menina curiosa (May), o especialista (Trick) e o personagem misterioso (Gralha). A investigação que começa sendo uma busca por um site obscuro da internet aos poucos vai tomando contornos mais assustadoras quando uma trama sinistra se desenrola. Os personagens vão seguindo uma mentalidade inocente até o momento em que percebem que acabaram metendo os pés em algo realmente assustador. A sensação de perigo na metade da narrativa se torna iminente, mas parece que a ficha demora a cair para os personagens. Se formos parar para pensar a narrativa é bem sinistra para um romance infanto-juvenil (por isso insisto em ele ser mais um YA do que um infanto-juvenil).


As histórias em quadrinhos são colocadas pontualmente na narrativa. Elas não estão ali à toa, complementando a narrativa e contribuindo para desvendar o mistério que está acontecendo ali. O leitor vai acompanhando a história e buscando montar o quebra-cabeças ao lado das personagens. A arte não é nada espetacular, mas cumpre bem o seu papel. Novamente, a ideia não é criar uma arte bonita, mas apresentar elementos de mistério e charadas para que o caso pudesse ser resolvido. Como a arte da Princess X é algo que vai se relacionar mais com a May, com coisas pessoais dela, nem sempre dá para a gente concluir alguma coisa. Mas, eu curti muito essa junção de quadrinhos e prosa.



No fim, por ser um estilo experimental, a Cherie Priest entregou até que algo bem legal. Não é revolucionário ou de vanguarda, mas consegue divertir. A leitura é bem rápida e um leitor mais concentrado vai terminar o livro em dois ou três dias. A prosa é eficiente e a autora não emprega jargões muito específicos (os que ela emprega, ela explica no próprio texto). Ou seja, o leitor não vai se sentir assolado por nada complexo demais. A gente acaba se envolvendo bem com as personagens, mas eu sinto que a Cherie poderia ter desenvolvido melhor a relação entre Libby e May no começo da narrativa. O capítulo onde esta relação acontece é muito rápido, e o impacto da amizade das duas perdura por toda a história já que ela é a formadora de caráter da protagonista. Merecia pelo menos mais uns dois ou três capítulos.










Ficha Técnica:


Nome: Ela Está em Todo Lugar

Autora: Cherie Priest

Ilustrador: Kali Ciesemier

Editora: Gutenberg

Tradutor: Rodrigo Seabra

Número de Páginas: 272

Ano de Publicação: 2015


Link de compra:














Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.