top of page
  • Foto do escritorPaulo Vinicius

Resenha: "Brasil Cyberpunk 2115: Você não Pode Ter Tudo o que Quer" de Rodrigo Assis Mesquita

Em um Brasil situado no futuro um grupo de pessoas tenta conseguir um tesouro incrível a mando de um chefe do crime. Rodrigo Assis Mesquita ressignifica a ideia do que é o gênero cyberpunk nesse incrível conto.


Nos últimos tempos eu venho gostado de ler uma série de histórias publicadas por uma nova geração de autores nacionais que vem mostrado que podem fazer a diferença. Sou fã do Lauro Kociuba e do Eric Novello, e inclui no meu Kindle uma série de histórias de autores como o Rodrigo Mesquita. Depois de ler Guerra Justa do Carlos Orsi e Brasil Cyberpunk 2115, cheguei à conclusão de que os autores nacionais entenderam melhor o conceito de literatura cyberpunk melhor do que muitos autores estrangeiros.

Hel é uma hacker que mora no que restou da antiga São Paulo. Uma cidade agora formada por grandes corporações e pessoas que cada vez mais caminham para uma fusão com máquinas. Cauã, amigo de Hel, procura sua amiga para lhe ajudar em uma missão difícil. Ele foi contatado pelo estranho Lobo para recuperar alguns itens importantes para um benfeitor conhecido como o Homem de Terno. Mas, Hel verá que mesmo uma missão simples pode se complicar de uma hora para outra.

A ambientação cyberpunk foi criada para, de certa forma, fazer uma critica social sobre um futuro não tão distante. Obras como Neuromancer e Snowcrash nos apresentam realidades crueis e objetivas onde as grandes empresas tomaram o lugar dos governos. Em Brasil Cyberpunk não é diferente. Gostei muito da maneira como Rodrigo fez com que o leitor fosse imerso em uma ambientação que, apesar de familiar, não é nem um pouco familiar. Achei que o autor poderia ter trabalhado mais na ambientação, mas como o livro acabou ficando no tamanho de um conto, não houve essa possibilidade. Em muitos aspectos, eu percebi que o autor estava testando as águas. Brasil Cyberpunk acabou sendo uma obra fantástica em uma ambientação que não pretendia ser pretensiosa, mas acabou apresentando muito mais para o leitor atento.

Um elemento importante em obras cyberpunk são as referências à cultura pop. É a maneira que o autor desse gênero tem para mostrar ao leitor que a distância da obra em relação à realidade do leitor não é tão grande assim. Já comentei o meu descontentamento com a forma como William Gibson tratou isso em Neuromancer e como Carlos Orsi foi muito feliz em sua história. É tudo questão de equilíbrio: nada em excesso é algo positivo. Para mim, as referências apresentadas por Rodrigo Assis ficaram ótimas. Nada em excesso e toda vez que foram apresentadas, sempre foi com bom humor. O próprio elemento principal de enredo é uma referência pop... e apresentada de uma maneira surpreendente. Quando o leitor percebe o que está acontecendo de verdade, ele toma uma rasteira. Me recordo de ter gargalhado quando cheguei ao ponto de revelação do plot.

Essa é uma das melhores marcas do enredo: o humor leve. Rodrigo preenche as páginas com este bom humor. Mesmo em situações perigosas, os personagens sempre fazem uma tirada marcante. Me senti em um filme de ação do Stallone durante a cena do restaurante. Sem dúvida alguma o autor foi muito feliz ao adotar este tom. Cyberpunk não significa que o autor tem que escrever um futuro sombrio com personagens baixo astral. Por exemplo, como não rir quando Wellington diz aonde encontrou a arma durante a briga no restaurante?

Os personagens não são tão bem desenvolvidos muito por caso do espaço necessário. É dada uma profundidade maior à história de Hel e pelo que eu pude perceber o autor pretende revisitar a ambientação em um futuro próximo. São deixados alguns ganchos, mas a história se fecha por si só. Ela não depende de outras sequências. Não tenho como falar a respeito dos demais personagens porque não houve tempo para nos relacionarmos melhor com eles. Talvez com Hel e Cauã o leitor consiga estabelecer mais vínculos.

Brasil Cyberpunk é uma leitura rápida e extremamente agradável. Sofre de alguns problemas, mas como me referi antes, acho que o autor não imaginou que a obra fosse ter um feedback tão positivo. A ambientação é interessante e deixa o leitor com vontade de querer conhecer mais. Se o objetivo do Rodrigo Assis era despertar o interesse do leitor, ele certamente despertou o meu.








Ficha Técnica:


Nome: Brasil Cyberpunk 2115 - Você Não Pode Ter Tudo o que Quer

Autor: Rodrigo Assis Mesquita

Editora: Auto-Publicado

Gênero: Ficção Científica

Número de Páginas: 45

Ano de Publicação: 2015


Avaliação:










Comments


bottom of page
Conversa aberta. Uma mensagem lida. Pular para o conteúdo Como usar o Gmail com leitores de tela 2 de 18 Fwd: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br Caixa de entrada Ficções Humanas Anexossex., 14 de out. 13:41 (há 5 dias) para mim Traduzir mensagem Desativar para: inglês ---------- Forwarded message --------- De: Pedro Serrão Date: sex, 14 de out de 2022 13:03 Subject: Re: Parceria publicitária no ficcoeshumanas.com.br To: Ficções Humanas Olá Paulo Tudo bem? Segue em anexo o código do anúncio para colocar no portal. API Link para seguir a campanha: https://api.clevernt.com/0113f75c-4bd9-11ed-a592-cabfa2a5a2de/ Para implementar a publicidade basta seguir os seguintes passos: 1. copie o código que envio em anexo 2. edite o seu footer 3. procure por 4. cole o código antes do último no final da sua page source. 4. Guarde e verifique a publicidade a funcionar :) Se o website for feito em wordpress, estas são as etapas alternativas: 1. Open dashboard 2. Appearence 3. Editor 4. Theme Footer (footer.php) 5. Search for 6. Paste code before 7. save Pode-me avisar assim que estiver online para eu ver se funciona correctamente? Obrigado! Pedro Serrão escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:42: Combinado! Forte abraço! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:41: Tranquilo. Fico no aguardo aqui até porque tenho que repassar para a designer do site poder inserir o que você pediu. Mas, a gente bateu ideias aqui e concordamos. Em qui, 13 de out de 2022 13:38, Pedro Serrão escreveu: Tudo bem! Vou agora pedir o código e aprovação nas marcas. Assim que tiver envio para você com os passos a seguir, ok? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:36: Boa tarde, Pedro Vimos os dois modelos que você mandou e o do cubo parece ser bem legal. Não é tão invasivo e chega até a ter um visual bacana. Acho que a gente pode trabalhar com ele. O que você acha? Em qui, 13 de out de 2022 13:18, Pedro Serrão escreveu: Opa Paulo Obrigado pela rápida resposta! Eu tenho um Interstitial que penso que é o que está falando (por favor desligue o adblock para conseguir ver): https://demopublish.com/interstitial/ https://demopublish.com/mobilepreview/m_interstitial.html Também temos outros formatos disponíveis em: https://overads.com/#adformats Com qual dos formatos pensaria ser possível avançar? Posso pagar o mesmo que ofereci anteriormente seja qual for o formato No aguardo, Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 17:15: Boa tarde, Pedro Gostei bastante da proposta e estava consultando a designer do site para ver a viabilidade do anúncio e como ele se encaixa dentro do público alvo. Para não ficar algo estranho dentro do design, o que você acha de o anúncio ser uma janela pop up logo que o visitante abrir o site? O servidor onde o site fica oferece uma espécie de tela de boas vindas. A gente pode testar para ver se fica bom. Atenciosamente Paulo Vinicius Em qui, 13 de out de 2022 12:39, Pedro Serrão escreveu: Olá Paulo Tudo bem? Obrigado pela resposta! O meu nome é Pedro Serrão e trabalho na Overads. Trabalhamos com diversas marcas de apostas desportivas por todo o mundo. Neste momento estamos a anunciar no Brasil a Betano e a bet365. O nosso principal formato aparece sempre no topo da página, mas pode ser fechado de imediato pelo usuário. Este é o formato que pretendo colocar nos seus websites (por favor desligue o adblock para conseguir visualizar o anúncio) : https://demopublish.com/pushdown/ Também pode ver aqui uma campanha de um parceiro meu a decorrer. É o anúncio que aparece no topo (desligue o adblock por favor): https://d.arede.info/ CAP 2/20 - o anúncio só é visível 2 vezes por dia/por IP Nesta campanha de teste posso pagar 130$ USD por 100 000 impressões. 1 impressão = 1 vez que o anúncio é visível ao usuário (no entanto, se o adblock estiver activo o usuário não conseguirá ver o anúncio e nesse caso não conta como impressão) Também terá acesso a uma API link para poder seguir as impressões em tempo real. Tráfego da Facebook APP não incluído. O pagamento é feito antecipadamente. Apenas necessito de ver o anúncio a funcionar para pedir o pagamento ao departamento financeiro. Vamos tentar? Obrigado! Ficções Humanas escreveu no dia quinta, 13/10/2022 à(s) 16:28: Boa tarde Tudo bem. Me envie, por favor, qual seria a sua proposta em relação a condições, como o site poderia te ajudar e quais seriam os valores pagos. Vou conversar com os demais membros do site a respeito e te dou uma resposta com esses detalhes em mãos e conversamos melhor. Atenciosamente Paulo Vinicius (editor do Ficções Humanas) Em qui, 13 de out de 2022 11:50, Pedro Serrão escreveu: Bom dia Tudo bem? O meu nome é Pedro Serrão, trabalho na Overads e estou interessado em anunciar no vosso site. Pago as campanhas em adiantado. Podemos falar um pouco? Aqui ou no zap? 00351 91 684 10 16 Obrigado! -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification -- Pedro Serrão Media Buyer CLEVER ADVERTISING PARTNER contact +351 916 841 016 Let's talk! OverAds Certification Área de anexos ficcoescodigo.txt Exibindo ficcoescodigo.txt.